30.9.14

Carlos Hermes sensibiliza-se com desocupação de famílias do Projeto Cinturão Verde


“A gente sabe que a terra não é da gente, mas sair de uma hora para outra, sem saber para onde ir, é complicado”. Estas palavras do horticultor Jaldinar Madeira da Silva expressam o sentimento de cerca de 80 famílias do Projeto Cinturão Verde que estão ameaças de desocupar a área nas proximidades do aeroporto de Imperatriz. O problema foi apresentado, nesta terça-feira (30), à Câmara Municipal, durante uma Tribuna Popular.


Horticultores sentem-se prejudicados com desocupação de área próxima ao aeroporto de Imperatriz

O Projeto Cinturão Verde é desenvolvido em uma área da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), no bairro Vila Nova. E segundo os horticultores, a terra será leiloada no início de outubro, o que prejudicaria as famílias que dependem do cultivo de hortaliças.

“Tem gente que trabalha lá há 20, 30 anos  e agora ficamos sabendo que a área será leiloada. Isso deixou a gente ficou meio desnorteado. A gente vive da agricultura, se nós não trabalharmos, como vamos viver? Precisamos de ajuda para resolvermos isso”, destacou a produtora Leila Cruz.

“Não tem como fazer um plantio de uma hora para outra mesmo que tivesse para onde ir, imagine não tendo. Então, queria que a gente achasse uma maneira de continuar trabalhando ou se programar para sair. Pois, não temos como sair da área 10 dias após ela  ser leiloada, e nem temos condição de comprar a terra”, ressaltou Jaldinar Silva.

O produtor Jaldinar Silva usou a tribuna para esclarecer a situação dos horticultores



Sensibilizado com a situação, o vereador Carlos Hermes demonstrou apoio aos trabalhadores e colocou-se a disposição para ajudar. “Sabemos a importância destes trabalhadores para agricultura familiar, para o abastecimento de hortaliças no comércio local e de regiões vizinhas; e entendemos que essas famílias não podem sair assim da terra, visto que, algumas trabalham há cerca de 30 anos na terra. Colocamo-nos a disposição e gostaria que essa Casa [Câmara de Vereadores] convocasse os representantes da Infraero para prestar esclarecimentos”.




Flávio Dino se reúne com líderes religiosos da capital e do interior do Estado

Pastores, missionários, obreiros e ministros de igrejas evangélicas da capital e do interior do Estado estiveram reunidos nessa segunda-feira (29) em São Luís com o candidato a governador Flávio Dino. Em clima de esperança, com cânticos, louvor e oração, os evangélicos declararam a confiança que depositam em um Maranhão desenvolvido e próspero com a vitória de Flávio Dino no dia 5 de outubro.

O pastor Fábio Leite, um dos coordenadores do encontro, destacou que a igreja é consciente do seu papel na mudança do Estado não apenas durante o processo político, mas também no dia a dia no trabalho de melhoria das condições de vida dos maranhenses.

Os evangélicos declararam a confiança que depositam em um Maranhão com a vitória de Flávio Dino 


“A igreja está orando para que Deus possa abençoar o Flávio e que tenha uma grande administração, beneficiando, sobretudo, o nosso Estado, o nosso povo. Estamos chegando ao final de um ciclo de sofrimento para iniciar um novo momento no Maranhão”, disse.

A adesão de líderes religiosos para participar do encontro e abraçar a campanha de Flávio Dino foi ressaltada pelo pastor Gil Sousa, representante da Ceadema, que ao lado do pastor Romualdo Fernandes coordenou o evento.

Para ele, o compromisso de Flávio Dino com a mudança da realidade social do Estado e sua postura cristã demonstram o preparo e a competência do candidato. “Hoje reunimos lideranças da Assembleia de Deus, lideranças de outras igrejas evangélicas e católicas, numa demonstração de apoio e carinho à candidatura de Flávio. Essa reunião é um símbolo do que está acontecendo em todo o Estado”, reiterou.

Parceria

Durante o encontro com os evangélicos, Flávio Dino lembrou que uma das propostas que integram o Programa de Governo dialoga com as igrejas do Maranhão. A sugestão é para a criação da Rede de Solidariedade e Assistência Social, que consiste numa parceria entre o Estado e as igrejas para o atendimento aos dependentes químicos de famílias carentes do Maranhão e no combate ao analfabetismo.

O candidato Flávio Dino discursou sobre fé, justiça e esperança, fazendo a leitura do Salmo 65. Ele pontuou que entre as desigualdades e injustiças sociais que estão no Estado ainda existe esperança de um futuro com desenvolvimento social. “O que está em jogo não é ter maioria de votos; eleição é a afirmação de princípios e valores. A mensagem que deixamos é de esperança e fé aos maranhenses que sofrem com as desigualdades e dificuldades”, completou.

Também presentes no encontro estavam os vereadores Pavão Filho e Batista Matos, a deputada estadual Eliziane Gama, que disputa uma vaga à Câmara Federal, e os candidatos a deputado estadual Josélio, Vieira Lima e Telma Pinheiro. Durante as falas, todos reafirmaram o apoio a Flávio Dino e destacaram o comprometimento do candidato com a mudança social e econômica do Maranhão.

29.9.14

Flávio Dino sobe para 60% e abre 40 pontos sobre Edinho Lobão, aponta pesquisa DataM

A nova pesquisa DataM, publicada nesse domingo (27), pelo jornal Atos e Fatos, mostra que o candidato Flávio Dino ampliou a vantagem sobre o segundo colocado e agora está 40 pontos na frente. Falta apenas uma semana para o dia da eleição, e o resultado daria hoje a vitória a Flávio Dino no primeiro turno.

Pesquisa aponta vitória de Flávio Dino no primeiro turno


De acordo com o levantamento, Flávio Dino subiu de 56,3% para 59,9%. O segundo colocado, Edinho Lobão, caiu de 27,5% para 19,9%.

Antonio Pedrosa (PSOL) tem 0,7%; Josivaldo (PCB) e Zeluis Lago (PPL) têm 0,6% cada; e Saulo Arcangeli (PSTU) tem 0,5%. Brancos e nulos somam 7,2%; e 10,7% não sabem ou não responderam.

Em votos válidos – que excluem brancos e nulos e são os considerados o resultado final –, Flávio Dino tem 72,2%.

A pesquisa DataM foi feita entre os dias 23 e 27 de setembro por encomenda do jornal Atos&Fatos e ouviu 1.500 eleitores em 50 municípios maranhenses. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o número 0057/2014.

Vídeo falso

A ampliação da vantagem de Flávio Dino é verificada após a divulgação pela TV Difusora – pertencente a Edinho Lobão – e por órgãos da família Sarney de um vídeo em que um presidiário faz falsas acusações contra o líder nas pesquisas.

O vídeo foi gravado dentro da penitenciária de Pedrinhas, e o próprio presidiário confessou que recebeu promessa de dinheiro e regalias para dizer que Flávio Dino era ligado a uma quadrilha de assalto a bancos.

A farsa teve repercussão nacional, sendo veemente condenado por instituições e, como mostra a pesquisa DataM, pelos eleitores maranhenses.

Pesquisa Exata

Na sexta-feira, o instituto Exata também divulgou pesquisa mostrando vitória de Flávio Dino no primeiro turno. De acordo com o levantamento, Flávio tem 68,2% dos votos válidos. A pesquisa foi encomendada pela TV Guará e pela Fiema (Federação das Indústrias do Estado do Maranhão) e está registrada no TRE sob protocolo número MA-00054/2014. A sondagem ouviu 1.400 eleitores em diversos municípios maranhenses, com a margem de erro de 3,2 pontos percentuais para mais ou menos.

Fonte: Assessoria do Flávio Dino


26.9.14

Justiça Eleitoral aprova presença de Força Nacional para trazer segurança às eleições no Maranhão

Após pedidos da coligação de Flávio Dino, da Corregedoria do Tribunal de Justiça e da Ordem dos Advogados do Brasil, o Tribunal Regional Eleitoral aprovou por unanimidade a presença de Forças Nacionais para acompanhar as eleições do Maranhão.



Os magistrados entenderam que, diante dos últimos fatos de violência e da tentativa de vinculá-los ao processo eleitoral, poderia haver prejuízos às eleições, que acontecem daqui a 10 dias.

Os representantes da Justiça Eleitoral também mostraram preocupação quanto ao acesso ao transporte público nas eleições e oficiaram a prefeitura de São Luís para que garanta ônibus na capital no dia da votação.


A decisão foi tomada nessa quinta (25) na reunião do pleno do Tribunal Regional Eleitoral. A aprovação definitiva depende do Tribunal Superior Eleitoral em Brasília, que deve analisar a decisão maranhense já nos próximos dias.

25.9.14

Preso confirma que recebeu proposta de dinheiro para fazer depoimento contra Flávio Dino

Em depoimento prestado junto à Superintendência Estadual de Investigações, Criminais na noite da última terça (23), o presidiário André Escócio de Caldas confirmou que recebeu promessas de regalias para gravar vídeo contra Flávio Dino. André figura em vídeo veiculado nos últimos dias pela TV e pela rádio Difusora, blogs ligados ao grupo Sarney, ao portal iMirante e ao jornal O Estado do Maranhão – propriedade da família Sarney.


O presidiário André Escócio confirmou que recebeu promessas de regalias para gravar vídeo contra Flávio Dino


Ouvido pelos delegados da Polícia Civil Tiago Mattos Bardal na noite de terça, André Escócio afirmou que o vídeo foi gravado há cerca de oito dias na sala do diretor da Central de Custódia de Presos de Justiça de Pedrinhas, Carlos Aguiar.

Para gravar o vídeo, o presidiário teria recebido “promessa de conseguirem um Alvará de Soltura e mais uma boa quantia em dinheiro, além do declarante (André Escócio) ficar 'blindado' (protegido) no sistema”, caso apontasse Flávio Dino, Patrícia e Weverton Rocha como mandantes do assalto ao banco do campus da UEMA. A declaração consta no termo de declaração emitido pela SEIC.

André Escócio afirma que não participou do assalto ao banco, data em que estava detido em um presídio. O enredo para tentar incriminar Flávio Dino foi criado após conversas do presidiário com o diretor da CCPJ de Pedrinhas, Carlos Aguiar, que também prestou depoimento à Seic, na manhã dessa quarta (24).


Em depoimento, o preso afirmou que o vídeo foi gravado há cerca de oito dias na sala do diretor de Pedrinhas


Divulgação do vídeo

O vídeo que foi veiculado pelo sistema de Comunicação e também pela campanha de Edinho Lobão foi gravado, segundo conta Escócio, por Nilson, identificado como chefe de Segurança. O presidiário conta ainda que se surpreendeu quando o vídeo foi veiculado em um dos programas da TV Difusora.
Ao assistirem o depoimento forjado no ar, os presos teriam começado a gritar “vai morrer, vai morrer”! O preso já está sob custódia, em sala separada, após os acontecimentos.

Depoimento do diretor

Apontado como responsável pela produção do vídeo, Carlos Aguiar diz que o caso foi gravado na presença de Nilson e com o agente penitenciário conhecido como “Robson”. No depoimento ele confirma que gravou o vídeo, porém ele não teria acreditado no depoimento em que, segundo o próprio Aguiar, o presidiário “queria ser o bonzão”. O diretor nega responsabilidade pela divulgação do vídeo. Após confirmar a autoria do vídeo, o notebook de Carlos Aguiar foi apreendido pelo delegado Tiago Bardal.

Investigação Federal

O vídeo foi postado originalmente de uma conta do youtube (canal para reprodução de vídeos) hospedada no Chile. Considerado crime eleitoral, ele passou a ser investigado pela Polícia Federal a pedido da coligação Todos pelo Maranhão, de Flávio Dino. A Polícia Federal e o Ministério Público vão apurar as responsabilidades pela criação e divulgação do vídeo em diversos meios de comunicação – incluindo a TV Difusora do candidato Edinho Lobão.

Fonte: Assessoria de Flávio Dino.

24.9.14

Todos Pelo Maranhão protocola ação no MPF contra Edinho Lobão e blogueiros por falso vídeo

A coligação Todos Pelo Maranhão protocolou, nessa terça-feira (23),  na Procuradoria Geral da República um pedido de investigação da responsabilidade do candidato Edinho Lobão na produção de um vídeo anônimo acusando Flávio Dino de envolvimento em crimes.

A ação foi protocolada, ontem (23), no Ministério Público Federal (Foto: MPF)


A ação judicial da 'Todos Pelo Maranhão' afirma que há elementos factuais que comprovam que Edinho tinha conhecimento prévio da produção do vídeo. A ação também pede para investigar o envolvimento de Gilmar Correa, diretor de Jornalismo da TV Difusora. De propriedade de Edinho Lobão, a TV foi a única a exibir o vídeo.

A ação ainda pede a investigação dos blogueiros Daniel Matos e Marco Deça, ambos funcionários do Sistema Mirante da família Sarney; que contribuíram na divulgação do material. O vídeo anônimo mostra um suposto criminoso, que não se identifica, apontando Flávio Dino como mentor de um esquema criminoso que não é explicado no vídeo.

O vídeo teve péssima repercussão nas redes sociais, o que obrigou o blogueiro Daniel Matos a retirar o vídeo do ar. A Difusora, de propriedade de Edinho, é o único veículo de comunicação do Maranhão a seguir difundindo a denúncia anônima.
A liberdade de expressão, direito constitucional no Brasil, veda o anonimato. Denúncias, como as feitas no vídeo, devem ter um autor. Na ação, a coligação Todos Pelo Maranhão afirma que, se participaram da produção do filme, os envolvidos praticaram falsidade ideológica eleitoral – que pode levar a 5 anos de prisão.

23.9.14

Oficina prática de teatro é realizada na Comunidade São Félix

Crianças, adolescentes e jovens da Comunidade São Félix, na Estrada do Arroz, participaram de uma oficina de teatro no último domingo (21).  O palco da  atividade foi o Clube de Mães daquela região, que reuniu cerca de 30 pessoas. A oficina foi ministrada pelos atores Jó Peteleco e Henrique Celso.

Crianças e adolescentes da Comunidade São Félix participam de oficina prática de teatro

O projeto é uma iniciativa do vereador Carlos Hermes (PCdoB) que percebeu a demanda da comunidade a partir de reuniões com a população . "Senti desestímulo da comunidade, principalmente dos jovens, por falta de políticas públicas. Portanto, decidimos realizar esse projeto como forma de elevar autoestima da juventude e desenvolver as potencialidades dos jovens".

Segundo a vice-presidente da Associação dos Moradores de São Félix, Maria Raimunda,  a comunidade é carentes de ações sociais, especialmente, que envolvam a arte. "Em conversa com o Carlos, solicitamos que fosse desenvolvido um projeto aqui, porque não temos nenhuma atividade para as nossas crianças.  E veio ideia do teatro, pois desde cedo queremos que elas se envolvam com a cultura".

Durante a oficina, foram desenvolvidos trabalhos em grupos de concentração e expressão corporal


Para a maioria das crianças e adolescentes, a oficina foi o primeiro contato direto com o teatro. Este é o caso da estudante Beatriz Lopes, 12 anos,  que a princípio demonstrava timidez, porém, aos poucos foi se envolvendo na atividade. " Eu nunca tinha participado de algo assim e pensei que era mais difícil, que não conseguiria fazer porque sou muito tímida, mas, vi que posso vencer a timidez. E eu achei a oficina ótima e pretendo continuar no projeto".

De acordo com a atriz Jó Peteleco, nesta primeira oficina o objetivo foi familiarizar eles com princípios básicos do teatro. "Eu acredito no poder transformador do teatro, e essa é a ideia principal que queremos passar aqui. Neste primeiro momento, trabalhamos aquecimento de voz, alongamento, expressão corporal e exercícios de confiança e concentração. Em outros momentos vamos trabalhar a atuação".

Os atores Jó Peteleco e Henrique Celso acompanharam os trabalhos em grupo


A oficina terá duração de três meses consecutivos, sempre aos domingos, e o objetivo é que ao final seja montado um grupo de teatro na comunidade, o qual fará apresentações no bairro e também em outras regiões da cidade.


22.9.14

Paulo Ramos e Lago da Pedra reúnem multidão na torcida pela vitória de Flávio Dino

A 14 dias das eleições, o candidato a governador Flávio Dino reafirmou seu compromisso pela população do Estado. Foi durante grande comício ao lado dos candidatos ao Senado, Roberto Rocha, e vice Carlos Brandão em Lago da Pedra neste domingo (21). A comitiva também esteve em Paulo Ramos participando de carreata pelas ruas da cidade.

Milhares de pessoas participam de comício em Lago da Pedra 


Para Flávio Dino, é fundamental a alternância de poder para melhorar os índices sociais maranhenses. "Conheço o Maranhão e sei que é possível fazer um governo humano. Nosso Estado precisa de um governador que conheça todas as regiões, mas, acima de tudo, que pise no chão, que não se ache melhor do que ninguém, que ande ao lado do povo e não ignore as dores da população", disse sob aplausos.

Reunindo milhares de pessoas nas ruas durante o percurso da caminhada em Lago da Pedra e logo após durante comício, o candidato – que já foi deputado federal, juiz, integrou o governo da presidenta Dilma Rousseff e atualmente é professor – afirmou que a melhor preparação para administrar o Estado é andar e ouvir o povo, ter humildade para olhar nos olhos das pessoas.

"Nossa campanha é feita e carregada pelo povo no dia a dia. Faltam 14 dias e vão inventar mentiras, mas nós vamos seguir com coragem. Nosso compromisso é com os maranhenses", reiterou Flávio ao destacar o programa Mais Bolsa Família, que concederá o 13° benefício aos usuários do Bolsa Família, a melhoria da infraestrutura das estradas, como as que ligam a região a Arame e Vitorino Freire, e ainda a saúde pública.

Compromisso com a mudança

Essa é a esperança do pedreiro Valdeniro Carvalho, 25 anos, de Paulo Ramos. Ele quer Flávio Dino governador para mudar o Maranhão. "Ele é o melhor e tem compromisso com a melhoria da infraestrutura dos municípios. Antes votava em Roseana, mas não dá mais", afirmou.

A professora Claudiete Correia, 48 anos, da mesma cidade, pediu melhorias no sistema público de educação. "Tem que ser prioridade, escolas de qualidade, professores valorizados", opinou. Ela é também voto novo para Flávio Dino. "Votava em Jackson Lago, nunca em Sarney. O Maranhão tá cansado, já sofreu demais", comentou.

Testemunhando a campanha da alegria e da esperança, a agente de saúde Antônia Brito, 35 anos, avaliou como forte o movimento em Paulo Ramos. "A gente vê no rosto das pessoas que elas querem mudança", avaliou. Ela também comemorou os resultados das últimas pesquisas de intenção de voto em que Flávio Dino aparece com média de 30 pontos à frente do segundo colocado. "Quando o povo quer, não tem quem tome", disse.


Moradores de Paulo Ramos demonstram apoio a Flávio Dino


As melhores propostas

Apoio também da dona de casa Maria Batista da Silva, 52 anos, de Lago da Pedra. Para ela, Flávio Dino é o melhor para o Maranhão. "Ele tem as propostas para desenvolver o Estado", ressaltou. Entre as que chamaram atenção, a de reforçar os hospitais e a garantia de mais médicos. "Quando adoece, a gente tem que ir para Teresina, mas isso vai mudar", disse.

Para mudar o Maranhão e garantir mais estradas, energia elétrica e escolas, o lavrador Antônio Miudo, de 42 anos, quer Flávio Dino governador. "Tenho certeza que ele vai fazer tudo isso. Em 2010, também estive aqui e continuo porque acredito que ele é o melhor".

Integrando a chapa ao lado de Flávio, Carlos Brandão definiu que a candidatura representa a esperança dos maranhenses. Rebatendo boatos que têm sido espalhados nas cidades do Estado, Brandão disse que Flávio é o mais preparado para governar o Maranhão. "Ficam espalhando que ele vai fechar hospital, que não vai terminar as estradas. Mas o que Flávio vai colocar fim é na corrupção".

Roberto Rocha lembrou a torcida do país pelo Maranhão. "O que nos une é a esperança de um Estado melhor", definiu.

Acompanharam as atividades vereadores, presidentes de sindicatos e partidos, lideranças e os candidatos a deputado federal Domingos Dutra, Leonardo Sá, Simplício Araújo e Rubens Júnior e a estadual Fernanda Moraes.

18.9.14

Julio Pinheiro e Deoclides Macedo cumprem agenda política em Imperatriz



Os candidatos a deputado estadual, Júlio Pinheiro, e a deputado federal, Deoclides Macedo, cumpriram agenda política, nessa quarta-feira (17), em Imperatriz. Na cidade, acompanhados do vereador Carlos Hermes, eles concederam entrevistas a programas de televisão, fizeram panfletagem, participaram de caminhada e de reunião de bairro. 



Durante as entrevistas ao Imperatriz 24 Horas, Jornal do Município e na Boca do Povo, os candidatos discutiram temas relacionados a diversas áreas, dentre elas, saúde e educação. Em seguida, eles fizeram uma panfletagem em frente à escola Graça Aranha. Na oportunidade, os candidatos conversaram com os estudantes e populares que passaram pelo local.

Continuando agenda, os candidatos se reuniram com funcionários de uma micro empresa de confecção do ramo de confecção, localizada no Bairro Bacuri.  Lá, eles agradeceram a oportunidade de dialogar com os trabalhadores e destacaram a importância de uma mudança no cenário político do Maranhão. 

“Pouco se tem investido no Maranhão. Observa-se a deficiência na saúde, na educação e na segurança. Mas, esse é um momento importante para mudar essa história, com pessoas comprometidas com as causas de todos os maranhenses. O nosso Estado precisa sair dessa situação de dificuldade e vamos mudar essa realidade. A partir de 2015, vamos escrever outra história”, ressaltou Julio Pinheiro. 

“Queremos ajudar a melhorar a educação, a saúde, a infraestrutura, dentre outros problemas que a nossa população enfrenta. Queremos aumentar a geração de emprego, fazendo com os nossos produtos sejam mais industrializados. É preciso olhar com comprometido todas essas e outras questões. Para isso, precisamos mudar a história do Maranhão”, pontuou Deoclides Macedo.

Reunião- Após isso, eles fizeram uma caminhada no Parque Alvorada II, em que receberam apoio de moradores do bairro. Depois, os futuros deputados participaram de uma reunião com servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Na ocasião foram apresentados os principais problemas do serviço público. 



A agenda seguiu com uma reunião no Parque Anhanguera, a qual teve a participação de moradores daquele bairro, além de populares do Buriti e de outros bairros vizinhos.  Em discurso, os candidatos a deputado agradeceram o apoio do Carlos Hermes e reafirmaram o compromisso com o desenvolvimento do Estado.


“É preciso ter coragem para enfrentar esse momento histórico para o Maranhão. E vocês vão ter um deputado de lutas, que vai honrar seus compromissos. Agradeço a cada um de vocês e peço o voto de confiança para ajudar a reconstruir o nosso Estado. Agradeço o Carlos Hermes por enfrentar essa luta conosco”, disse Julio.

“Quero registrar a alegria de estar e conversar com vocês. Tenho um histórico de luta pela mudança do Maranhão, e eu acredito nessa mudança. Agradeço também o Carlos Hermes por ter nos acolhido para esse momento de diálogo, ponderou Deoclides.” 

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão(SINPROESEMMA), André Campos, demonstrou apoio aos candidatos. “Júlio conhece na prática os problemas da educação e sabe as saídas deles. Júlio é um cara simples, mas de uma riqueza de conhecimento fascinante, por isso, tem legitimidade para nos representar. Deoclides também vai nos ajudar nessa luta”.

“Queremos que eles façam emendas, projetos, para as comunidades de todo o estado, principalmente, as mais carentes. Queremos que eles acompanhem e fiscalizem os recursos. Queremos mudança para o Maranhão, portanto, acredito no Julio e no Deoclides”, ressaltou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Ensinos de Imperatriz (STEEI), Wilas Moraes. 


Finalizando os trabalhos, Carlos Hermes agradeceu a presença de todos os populares e ressaltou a história de luta dos futuros deputados. “Eu sou muito honesto com aqueles que me acompanham e apoiam. E não poderia deixar de registrar que Julio tem uma longa história de luta pela qualidade da educação, na qual lutamos juntos, além de luta com as causas sociais. Deoclides tem uma história marcante na política do Maranhão e transformou a cidade de Porto Franco, sendo escolhido três vezes o melhor prefeito da região. Agradeço a todos e vamos rumo à mudança”!


17.9.14

“Meu governo terá pessoas de todas as regiões do Maranhão”, diz Flávio Dino



O candidato Flávio Dino anunciou que, se eleito, seu governo vai contar com representantes de todas as regiões do Estado. “Teremos no primeiro escalão pessoas oriundas de várias experiências e de várias regiões para garantir uma equipe que conheça o Maranhão de verdade”, disse durante entrevista no JMTV, da TV Mirante, nessa terça-feira (16).

O requisito essencial para compor o governo será ter competência e honestidade, independentemente de ser político ou não. 
 
Flávio Dino durante entrevista ao JMTV, da Mirante, na última terça-feira (16)
Flávio lembrou que tem uma ampla aliança para promover uma virada de página no Maranhão. “Estamos de braços abertos a todos aqueles que têm compromisso com o nosso programa, que é o de um governo honesto, justo, com políticas sociais.”

Na entrevista, o candidato também reafirmou o compromisso de acabar com a perseguição política feita hoje pelo governo estadual. 

“Vamos fazer parceria com todos os 217 prefeitos, vamos pôr fim a essa política atrasada da perseguição e do medo, onde apenas os que seguem a política do Palácio dos Leões são apoiados. Comigo no governo, vamos apoiar todas as prefeituras do Maranhão”, disse. 

Flávio também ressaltou seu compromisso fundamental de levar água e banheiro para a casa de todos os maranhenses até 2018. “Nós vamos cumprir essa meta.”

Combate à corrupção

Flávio acrescentou ser muito importante “tirar o Maranhão das páginas policiais”. Ele citou como exemplo as denúncias feitas pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, que mencionou a governadora Roseana Sarney e o ministro Edison Lobão (Minas e Energia) como envolvidos em um suposto esquema de corrupção na estatal.

“Meu primeiro compromisso é fazer um governo honesto, que combata a corrupção, para termos ainda mais orgulho de sermos maranhenses. 

Fonte: Assessoria do Flávio Dino